Nº 909

 “Vinde comigo para um lugar isolado e descansai um pouco”

Parar não é fácil. Às vezes somos apanhados pelo turbilhão do trabalho e das atividades, como por uma engrenagem de que se perdeu o controlo. A sociedade impõe-nos, muitas vezes, um ritmo de vida frenético: produzir cada vez mais, subir na carreira, ser o primeiro…

Não é fácil enfrentar a solidão e o silêncio fora e dentro de nós. No entanto, são condições necessárias para escutar a voz de Deus, para confrontar a nossa vida com a Sua Palavra, para cultivar e aprofundar o relacionamento de amor com Ele. Sem esta linfa interior arriscamo-nos a andar à deriva e a nossa grande azáfama pode tornar-se inútil.

Daí a necessidade de períodos mesmo se breves – de descanso físico e mental, até para evitar o stress. Às vezes pode parecer-nos uma perda de tempo. Mas, também nisto, temos que ter confiança no convite de Jesus: “Vinde comigo para um lugar isolado e descansai um pouco”.

 [silêncio]

Senhor, quero olhar hoje o mundo
com olhos cheios de amor,
ser paciente, compreensivo,
manso e prudente;
ver, além das aparências,
ver os Teus filhos como Tu mesmo os vês,
e assim não ver senão o bem em cada um.
Ámen!

 

Jesus levou consigo os discípulos para que estivessem com Ele e, n’Ele, encontrassem descanso: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, que Eu hei-de aliviar-vos. (…) e encontrareis descanso para o vosso espírito”. O melhor descanso é arranjar tempo para “estar” com Jesus, deixando-se plasmar e guiar pela sua Palavra, procurando sempre amar.

Ponto S.J.

 

O hospital do Senhor Deus

Uma pessoa que não se sentia bem há já algum tempo, fez a seguinte declaração: 

Todos os anos faço um check-up para avaliação da minha condição de saúde. Num destes dias, resolvi fazer um exame diferente e fui a um hospital muito especial. O hospital do Senhor Deus. 

Queixei-me do cansaço da vida, de dores nas juntas envelhecidas. Falei do coração descompassado pelas muitas preocupações e da carga de obrigações que me competem. 

Quando cheguei, a minha pressão foi medida e foi verificado que estava baixa de ternura.

Confessei que há muito tempo não estou a praticar exercícios nessa área. Tinha-me esquecido da necessidade de dar carinho com gestos pequenos, mas muito importantes. 

Quando foi medida a minha temperatura, a leitura foi de quarenta graus de egoísmo. 

Então lembrei-me de como estou a guardar coisas e mais coisas, sem dar nada a ninguém, mesmo quando há campanhas que fazem apelos pela televisão, rádio, jornais. 

Sempre achei que alguém daria o suficiente e que eu não precisava de fazer nada. 

Fiz um eletrocardiograma e o diagnóstico dizia que estava a precisar de um cateterismo de amor. As veias estão bloqueadas por não ter abastecido o coração vazio. 

Ortopedicamente foi constatado que estou com dificuldades em andar ao lado de alguém. É que tenho preferido andar a sós, porque caminho mais depressa, sem que ninguém me atrase. 

Também foi verificado que não consigo abraçar os irmãos por ter fraturado o braço, ao tropeçar na minha vaidade. 

Nos olhos foi diagnosticada miopia. Isto porque não consigo ver além das aparências. 

Examinada a audição, reclamei, mais uma vez, porque não estava a ouvir a voz do Senhor Deus. O seu diagnóstico foi que os meus ouvidos estavam bloqueados em decorrência da muitas palavras ocas no dia a dia. 

A consulta não teve qualquer custo. Recebi como receita usar somente remédios naturais que se encontram no receituário do Senhor Deus: a Bíblia.

Prescreveu-me que, ao levantar, deverei tomar um chá de obrigado senhor para melhorar as questões referentes à gratidão. Ao entrar no trabalho, uma colher de bom dia amigo. De hora a hora, não posso esquecer-me de tomar um comprimido de paciência e outro de benignidade, com meio copo de humildade. 

A caminho de casa, é preciso tomar uma injeção de amor para melhorar a dificuldade de relacionamento familiar. Todas as noites, antes de deitar, duas cápsulas de consciência tranquiliza para que eu tenha um sono reparador. 

Foi-me dada a certeza de que se seguir à risca toda a prescrição médica, não ficarei doente e todos os meus dias serão de felicidade. 

O tratamento tem também um caráter preventivo. Assim, somente deverei morrer, por morte natural e não antes do tempo determinado. 

A Palavra de Deus corporifica na Terra o projeto do Senhor quando nos criou. É o Manual do Fabricante, que temos de consultar quando nos surgem problemas.

Fonte: Internet, autor desconhecido

 

MEDITAR

AMAR (trans)FORMA…

 

Quem ama vive a vida intensamente.
Quem ama extrai sabedoria do caos.
Quem ama tem prazer em se doar.
Quem ama aprecia a tolerância.
Quem ama não conhece a solidão.
Quem ama supera as dores da existência.
Quem ama produz um oásis no deserto.
Quem ama não envelhece, ainda que o tempo sulque o rosto.
O amor transforma miseráveis em ricos.
A ausência do amor transforma ricos em miseráveis.
O amor é uma fonte de saúde psíquica.
O amor é a expressão máxima do prazer e do sentido existencial.
O amor é a experiência mais bela, poética e ilógica da vida... 


Augusto Cury Convosco, senhor!

 

PENSAMENTO DA SEMANA

 

Se as coisas não avançam por nada, se tens sempre uma desculpa para tudo, se nunca há tempo para te ouvires, para te abraçares, para reparares em ti... para. Se a chave não gira e as portas não abrem, se é sempre inverno (em ti) mesmo quando chega julho... para. Para mesmo. Deixa de insistir. Larga a mão. Pensa mais em ti. Às vezes, a tua vida precisa mesmo de dar uma volta de 180º para te ensinar o caminho de regresso aos lugares (e às pessoas) certos.

Às 9 no meu blog


 

 INFORMAÇÕES

 

ADORAÇÃO DO SANTÍSSIMO SACRAMENTO

MANADAS - 5ª feira, 11 de julho, das 10 horas  às 11 horas, seguindo-se a celebração da Eucaristia.

 

FESTA DE NOSSA SENHORA DO CARMO - FAJÃ DOS VIMES

 Dia 16 de julho:  9 horas  Missa e bênção do Carmo.

                                         19 horas Missa de Festa com a bênção do Carmo seguida de Procissão.

 

CELEBRAÇÃO NOSSA SENHORA DE FÁTIMA

No dia 12 de julho, sexta-feira, celebração em louvor de Nossa Senhora de Fátima, na Ribeira Seca, às 18:30 horas com Recitação do Terço, Eucaristia e Procissão no interior da Igreja.

 

CLÍNICA DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DA CALHETA

A Direção da Associação de Bombeiros Voluntários da Calheta informa que estará na Clínica da Instituição a Dr. Tiago Ribeiro, osteopata (massagem terapêutica), a partir do dia 17 de junho; Dr.ª Renata Gomes, Cardiologista, a 23 de julho; Dr.ª Paula Pires, Neurologista e neuropediatra, 4 e 5 de agosto; Dr.ª Lourdes Sousa, Dermatologista, de 13 e 19 de agosto; Dr.ª Alexandra Dias, Pediatra, em setembro; Dr. Brasil Toste, Otorrinolaringologista, data por estabelecer; Elisabel Barcelos, Psicóloga Clinica e Formadora, nas áreas de avaliação Psicológica de Condutores (Testes psicotécnicos), Avaliação Psicológica, acompanhamento Psicológico e formação em temas ligados à Saúde Mental e /ou Psicologia, quintas e sextas-feiras.

Os interessados podem fazer as suas marcações para os números 295 460 110/ 295460111.


Faça download desta Carta Familiar em formato PDF: Nº 909

Agenda Pastoral

Destaque

Mais Recente Carta Familiar em PDF!

Nº 964

Pensamento da Semana

 

PENSAMENTO DA SEMANA

 

Quem anda atrás da alegria dificilmente se alegra. A alegria é um dom, porque acontece enquanto fazemos outras coisas. Brota misteriosamente enquanto nos damos com generosidade e nos entregamos sem reservas. Quando saímos fora de nós; quando nos pomos fora do nosso casulo e nos damos a pessoas e nos entregamos a causas. Quando nos pomos a entregar a nossa vida...

Rui Santiago Cssr

Os nossos Links

Ouvidoria de São Jorge
FAJÃS Grupo de Jovens
Cartas Familiares Anteriores

H2ONews

Visitas


Ver Estatísticas