Nº 634

PASTORAL JUVENIL (IV)

Após a divulgação da ideia do Dia Mundial da Juventude, apresentamos hoje mais concretamente, aquilo que será o programa do dia.

 

9h - 12h: Apresentação do trabalho das instituições:

 

- Casa de Repouso João Inácio de Sousa

- Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia de Vila de Calheta

- Casa de Previdência de São José

- Associação para Apoio à Criança com Necessidades Educativas Especiais de Vila de Velas

- Centro de Atividades Ocupacionais de Vila de Calheta

 

Workshops

- Catequeses familiares, jardim do perdão (espaço para confissões) e espaço para Adoração do  Santíssimo.

Todas estas atividades decorrerão em sistema de rotatividade. De 45 em 45 minutos, podendo todos, visitar os vários espaços.

 

- 12h30m: Procissão seguida de Eucaristia presidida por D. António

- 15h: Festival DMJ seguido de concerto com o Padre Jason Gouveia, o primeiro padre açoriano a lançar um cd de música cristã.

 

O transito estará encerrado entre a Sociedade e o Passal mas haverá lugar para estacionamento.

 

As atividades do dia estão preparadas para todas as pessoas de todas as faixas etárias. Este é um dia para sairmos de casa e procurarmos descobrir aquilo que se faz de melhor na nossa ilha.

É dia de partilharmos uns com os outros a nossa alegria. Todos somos importantes, todos somos necessários para tornar este dia um verdadeiro dia de celebração da fé e da nossa procura de Jesus.

 

Arrisquemos porque o Deus está naqueles que se fazem dom para os outros e não hesitam em partilhar o que de melhor têm.

 

IV DOMINGO DA QUARESMA

As leituras deste Domingo propõem-nos o tema da “luz”. Definem a experiência cristã como “viver na luz”.

No Evangelho, Jesus apresenta-se como “a luz do mundo”; a sua missão é libertar os homens das trevas do egoísmo, do orgulho e da autossuficiência. Aderir à proposta de Jesus é enveredar por um caminho de liberdade e de realização que conduz à vida plena. Da ação de Jesus nasce, assim, o Homem Novo – isto é, o Homem elevado às suas máximas potencialidades pela comunicação do Espírito de Jesus.

Na segunda leitura, Paulo propõe aos cristãos de Éfeso que recusem viver à margem de Deus (“trevas”) e que escolham a “luz”. Em concreto, Paulo explica que viver na “luz” é praticar as obras de Deus (a bondade, a justiça e a verdade).

A primeira leitura não se refere diretamente ao tema da “luz” (o tema central na liturgia deste domingo). No entanto, conta a escolha de David para rei de Israel e a sua unção: é um ótimo pretexto para refletirmos sobre a unção que recebemos no dia do nosso Batismo e que nos constituiu testemunhas da “luz” de Deus no mundo.

Dehonianos

 

MEDITAR

O DIVINO “ESCULTOR”

Senhor,

eu sei que És “oleiro”,

que trabalhas o “barro mole”

da vida de cada um,

para poderes moldar,

aqueles que a Ti se entregam

de alma e corpo inteiro.

 

Mas, Senhor,

comigo tens que ser canteiro,

partir a pedra dura,

que teima em resistir

às mãos Tuas a esculpir.

 

Tens que insistir,

Senhor,

nem que seja até quebrar,

para depois juntar os cacos,

para reconstruir,

ressuscitar,

para que mesmo homem velho,

na vida e no ser,

pelo Teu infinito amor,

possa então eu renascer.

 

Tanto me faz que haja dor,

dure o tempo que durar,

molda, Senhor,

rompe e quebra,

em Ti me quero abandonar,

porque a minha fé  e confiança,

é em Ti, e só em Ti,

divino e eterno “Escultor”

 

Joaquim Mexia Alves

 

CONTO (494)

 

O LEÃO E OS GATOS

Um leão encontrou um grupo de gatos conversando. "Vou devora-los", pensou.

Mas começou a sentir-se estranhamente calmo. E resolveu sentar-se com eles, para prestar atenção ao que diziam.

- Meu bom Deus - disse um dos gatos, sem notar a presença do leão.

- Oramos a tarde inteira! Pedimos que chovessem ratos do céu!

- E, até agora, nada aconteceu! - disse outro.

- Será que o Senhor não existe?

O céu permaneceu mudo. E os gatos perderam a fé.

O leão levantou-se, e seguiu o seu caminho, pensando:" veja como são as coisas. Eu ia matar estes animais, mas Deus impediu-me. Mesmo assim, eles pararam de acreditar nas graças Divinas: estavam tão preocupados com o que estava faltando, que nem repararam na proteção que receberam.

 Autor desconhecido

- 13h30m: Lanche partilhado

- Atividades apresentadas pelos Bombeiros Voluntários de Calheta, Escuteiros, Teatro, Jogos Tradicionais.

 

Ainda que os teus passos pareçam inúteis, vai abrindo caminhos, como a água que desce cantando da montanha. Outros te seguirão...

Saint-Exupéry

Espiritualidade tem a ver com "prestar atenção" à vida, cultivar um coração sensível e a capacidade de se comover com o belo e o trágico.

Márcio Cardoso

 


INFORMAÇÕES

 

CONFISSÕES

Confissões de preparação para a Festa da Páscoa, na comunidade de Velas. Na Igreja Matriz de Velas, no dia 3 de abril, às 17:00 horas.

 

BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DA CALHETA

A direção da Associação de Bombeiros da Calheta informa que a vinda da Dr.ª Renata Gomes, especialista em cardiologia, foi mudada para os dias 8 e 9 de abril de 2014.

Os interessados devem fazer as marcações na secretaria da Instituição ou para 295 460 111 (secretaria) 295 460 110 (geral).

 

PROJETO “SER PAI”

 Os pais têm a seu cargo tarefas educativas nem sempre fáceis, que requerem uma especial reflexão e preparação, sobretudo numa época acelerada e em constante mudança de valores, atitudes e interesses.

É neste sentido que surge “Ser Pai - família e adolescência”, uma sessão para pais, a realizar no dia 11 de abril pelas 18h, onde poderão:

- Refletir sobre as atitudes, cognições e comportamentos (do pai e do filho adolescente);

- Analisar a reciprocidade das relações familiares e o impacto de cada um nessas relações;

                - Aumentar a capacidade de transmitir emoções e expetativas positivas e otimistas face ao próprio e ao futuro;

- Conhecer a possibilidade de construção permanente da forma de se e de educar(-se).

Para mais informações, contactar a psicóloga da Escola (Leonor Furtado Pereira).

 

 


Faça download desta Carta Familiar em formato PDF: Nº 634

Agenda Pastoral

Destaque

Mais Recente Carta Familiar em PDF!

Nº 819

Pensamento da Semana

 

Um anjo nunca se faz conhecer, nós só sabemos que ele esteve connosco quando ele parte. Porque deixa-nos na vida um perfume, deixa-nos na vida um desassossego.

 

Erri de Luca, in Em nome da mãe

Os nossos Links

Ouvidoria de São Jorge
FAJÃS Grupo de Jovens
Cartas Familiares Anteriores

H2ONews

Visitas


Ver Estatísticas