Nº 606

NOVO ANO

Já sei que os vou encontrar com um monte de histórias para contar. Eles são assim, cheios de coisas lindas de se ouvir, projetos para realizar, promessas para cumprir. Vêm carregados de sonhos e os olhos a brilhar. Os primeiros dias são sempre bonitos e entusiasmantes.

O princípio do ano escolar é sempre uma azáfama. Foi a compra do material necessário para o ano, as reuniões a que fomos chamados, pais e professores, recomendações e decisões a tomar. Estamos todos cheios de mil e uma coisa para que seja dado o melhor aos que se encontram neste tempo de aprendizagem.

O bom resultado depende destas etapas preparatórias, sem dúvida. Depende, também, do entusiasmo e dedicação. Entrega  de coração a esta causa nobre de ensinar. Depende muito da dedicação dos pais e encarregados de educação, as famílias que devem sentir que o seu papel não é secundário e nem alheio à  causa do bem dos que eles amam. Deles depende o sucesso da vida escolar. Eles são os primeiros e principais educadores, assim ensinam os documentos da Igreja.

Este é um tempo decisivo da vida de uma pessoa. No tempo de escola prepara-se um bom futuro individual e quanto melhor for para cada um, também, o será para as comunidades e sociedade em geral. Não se constrói uma sociedade boa, bela, digna e sã sem uma boa educação. Ou seja, sem uma boa escola.

Torna-se necessário uma nova esperança neste início de ano escolar. Não devemos dar lugar à derrota, ao desânimo, à angustia embora saibamos que podem surgir algumas dificuldades. Para as vencer precisamos da colaboração e empenho de todos. Tomar esta causa bela, digna como pertencendo a cada um e a todos. Não nos podemos demitir das nossas responsabilidades e nem empurrá-las para os outros.

Tenho esperança e desejo que este ano escolar seja um tempo de conquistas enriquecedoras para todos.

Pe. Manuel António

XXIV DOMINGO DO TEMPO COMUM

A liturgia deste domingo centra a nossa reflexão na lógica do amor de Deus. Sugere que Deus ama o homem, infinita e incondicionalmente; e que nem o pecado nos afasta desse amor…

A primeira leitura apresenta-nos a atitude misericordiosa de Jahwéh face à infidelidade do Povo. Neste episódio – situado no Sinai, no espaço geográfico da aliança – Deus assume uma atitude que se vai repetir vezes sem conta ao longo da história da salvação: deixa que o amor se sobreponha à vontade de punir o pecador.

Na segunda leitura, Paulo recorda algo que nunca deixou de o espantar: o amor de Deus manifestado em Jesus Cristo. Esse amor derrama-se incondicionalmente sobre os pecadores, transforma-os e torna-os pessoas novas. Paulo é um exemplo concreto dessa lógica de Deus; por isso, não deixará de testemunhar o amor de Deus e de Lhe agradecer.

O Evangelho apresenta-nos o Deus que ama todos os homens e que, de forma especial, Se preocupa com os pecadores, com os excluídos, com os marginalizados. A parábola do “filho pródigo”, em especial, apresenta Deus como um pai que espera ansiosamente o regresso do filho rebelde, que o abraça quando o avista, que o faz reentrar em sua casa e que faz uma grande festa para celebrar o reencontro.

Dehonianos

 

MEDITAR

 

UM LUGAR CHAMADO MÃE!

 

Este é o monte onde Deus desce até nós.

Este é o monte onde nós subimos até Deus.

Este é o lugar onde o grande se sente pequeno e onde o pequeno se torna grande.

Este é o lugar onde o distante se torna próximo.

Este é o lugar onde as palavras se calam e o silêncio fala.

Este é o lugar onde os olhos brilham, a voz soluça e o coração sorri.

Este é o lugar onde a Mãe nos embala, nos acaricia, nos abraça e acalenta.

Este é o lugar onde nos sentimos sempre filhos.

Este é o lugar onde recebemos o beijo da Mãe.

Este é o lugar donde nunca saímos, mesmo quando temos de o deixar.

Este é o lugar onde a turbulência se acalma e uma suave luz se acende.

Esta é uma nascente de esperança que paira sobre as ondas alteradas do desespero.

Esta é a foz de um grande rio. De um rio que desagua num imenso mar de paz.

Este é, verdadeiramente, um lugar sem nome.

Este é o lugar onde se gravam todos os nomes.

Mas este é também o lugar com o mais belo nome.

Este é o lugar chamado Mãe.

Mãe é o lugar que não cabe em nenhum lugar.

Mãe é maior que todos os lugares.

Porém, sendo tão grande, basta-lhe o lugar mais pequeno do mundo para a fazer feliz: o coração dos seus filhos!

 Blog Na paz, a verdade

 

CONTO (467)

 

O CAÇADOR

Um jovem caçador partiu para as margens de um rio à caça de patos selvagens.

Recolheu algumas pedras nas margens e começou a atirá-las com toda a força.

A apontaria era muito pouca e as pedras lançadas acabavam todas por cair na água profunda, limitando-se a espantar os patos. Finalmente, duas pedras atingiram mortalmente dois patos selvagens.

Quando entrou na aldeia, o jovem levava apenas esses dois patos e ainda uma pedra na mão. Passou junto de uma joalharia. O dono olhou para a pedra que o jovem trazia na mão e exclamou:

- Que pedra é essa que leva na mão?

O jovem respondeu:

- É uma das pedras que apanhei no rio para atirar aos patos.

O joalheiro exclamou:

- Mas isso que levas nas mãos é um diamante! Vale centenas de euros.

O jovem caçador empalideceu e depois exclamou:

- Que insensato que eu fui! Utilizei todos esses diamantes para matar dois patos… Se as tivesse guardado e vendido, agora seria rico.

 In  Alegre Manhã de Pedrosa Ferreira

 

Não temos que perguntar como produzir o amor em nós. Ele está em nós, do nascimento à morte, imperioso como uma fome e nós devemos somente saber como conduzi-lo. 

 Simone Weil

 


INFORMAÇÕES

 

CLÍNICA DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DA CALHETA

A direção da Associação de Bombeiros Voluntários da Calheta informa que estarão na clinica da Instituição os seguintes médicos:

Dr. ª Alexandra Dias, pediatra de 20 e 21 de setembro de 2013;

Dr. Carlos Sarmento, especialista em Cirurgia Vascular no dia 26 de setembro de 2013;

Dr. ª Renata Gomes, Cardiologista em setembro de 2013 (dia ainda por estabelecer);

Dr. ª Maria Graça Almeida especialista em Ginecologia-Obstetrícia outubro de 2013 (dia ainda por estabelecer);

Dr. ª Paula Pires, Neurologista em novembro de 2013 (dia ainda por estabelecer);

Os eventuais interessados podem fazer as suas marcações para os números 295 460 110 / 295460111.

 

MUSEU FRANCISCO LACERDA

No dia 16 de setembro de 2013 – segunda-feira - 21H00 – Auditório Municipal de Velas – Recital de Piano com Alexey Sychev (Prémio Alexandre Rey Colaço 12).

 

ATL - CÁRITAS

Encontram-se abertas as inscrições para a frequência do ATL da Cáritas de Santa Catarina. As inscrições podem ser feitas na Sede da Cáritas ou através dos nºs 295417905 ou 918532767.

FESTA DE SÃO MATEUS - URZELINA

Dia 22 de setembro - Eucaristia de festa às 17 horas seguida de procissão.

 

 


Faça download desta Carta Familiar em formato PDF: Nº 606

Agenda Pastoral

Destaque

Mais Recente Carta Familiar em PDF!

Nº 819

Pensamento da Semana

 

Um anjo nunca se faz conhecer, nós só sabemos que ele esteve connosco quando ele parte. Porque deixa-nos na vida um perfume, deixa-nos na vida um desassossego.

 

Erri de Luca, in Em nome da mãe

Os nossos Links

Ouvidoria de São Jorge
FAJÃS Grupo de Jovens
Cartas Familiares Anteriores

H2ONews

Visitas


Ver Estatísticas