Nº 536

 

COMPROMETIDOS COM A VIDA
De 13 a 20 de maio temos a “Semana da Vida”.
Desde 1994 que a Conferência Episcopal Portuguesa, organiza a Semana da Vida. Foi a partir de um apelo do Papa João Paulo II feito na encíclica O Evangelho da Vida, que reflete sobre o valor e a inviolabilidade da vida humana, na qual proponha uma celebração com a finalidade de «suscitar nas consciências, nas famílias, na Igreja e na sociedade, o reconhecimento do sentido e valor da vida humana em todos os seus momentos e condições, concentrando a atenção de modo especial na gravidade do aborto e da eutanásia, sem contudo menosprezar os outros momentos e aspetos da vida…» (EV 85).
Na semana em que se celebra o Dia Mundial da Família, que é no dia 15 de maio, celebra-se também a Semana de Família.
Este ano o tema é: Comprometidos com a Vida. Pretende ser um apelo a olhar a vida como dom de Deus que, «criou cada homem fazendo dele um prodígio.».
“A família cumpre a sua missão de anunciar o Evangelho da vida, principalmente através da educação dos filhos. Pela palavra e pelo exemplo, no relacionamento mútuo e nas opções quotidianas, e mediante gestos e sinais concretos, os pais iniciam os seus filhos na liberdade autêntica, que se realiza no dom sincero de si, e cultivam neles o respeito do outro, o sentido da justiça, o acolhimento cordial, o serviço generoso, a solidariedade e os demais valores que ajudam a viver a existência como dom».
Faz-se um apelo a que todosassumam «um novo estilo de vida que se exprime colocando no fundamento das decisões concretas uma justa escala de valores: o primado do ser sobre o ter, da pessoa sobre as coisas; implica a passagem da indiferença ao interesse pelo outro, a passagem da recusa ao seu acolhimento».
Interessa, durante esta semana, cada um refletir sobre a vida, a sua importância, o respeito que tem tido pela vida própria e dos outros.
Dar valor à vida e estimá-la é o que se pede.
Pe. Manuel António
 
 VI DOMINGO DA PÁSCOA
Tal pai, tal filho
Um miúdo foi ao barbeiro e, ao ser interrogado como queria que lhe cortassem o cabelo, respondeu prontamente:
- Careca, como o meu pai.
E todos os presentes disseram em coro:
- Tal pai tal filho...
Este garoto revia-se no pai e não tinha dificuldade em fazer dele o seu melhor amigo e o modelo a imitar.
Quem ama, copia os gestos da pessoa amada, assume os seus critérios de vida, imita-lhe as expressões. O amor leva sempre à identificação com o outro. Cada um é aquilo que ama. Se ama a terra será terra também, mas se ama a Deus torna-se divino. É por isso que Jesus Cristo diz no Evangelho de hoje:
- Assim como o Pai Me amou, também Eu vos amei...É este o meu mandamento: que vos ameis uns aos outros como eu vos amei.
Em primeiro lugar Ele assume a dinâmico do amor do Pai, identificando-se com Ele. Depois convida os seus discípulos a fazerem o mesmo.
Segundo a nossa lógica humana, Jesus devia dizer: Eu amei-vos, agora deveis amar-Me na mesma medida. Mas a lógica de Deus é diferente: eu amei-vos, agora fazei o mesmo aos outros. Só assim provareis que me tendes amor, se vos amardes tal como vos amei.
Pe. José David Quintal Vieira, scj
 
 
MEDITAR
 
MIRIAM!...
Que nome tão lindo
Vos deram, Mãe!
Mais lindo ainda
É poder rezar-vos...,
Com ternura e amor,
Em cada dia
E a toda a hora:
Avé Maria!
 
Avé Maria,
Cheia de graça,
O Senhor é convosco!
Bendita sois Vós
Entre as mulheres
E bendito é o fruto
Do vosso ventre - Jesus!
 
Quão bela sois, ó Maria,
Virgem Mãe de Nazaré:
Senhora e Princesa
Resplandecente de luz!
Sois fonte de bênção
E sois bendita
Porque destes à luz
Aquele por quem nos vêm
Todas as bênçãos: Jesus
 
O coração pequenino,
Reza enternecido:
Ó Virgem Mãe bendita,
Derramai sobre nós
As bênçãos de Jesus
E guiai nossos passos
No estreito caminho
Que ao Céu nos conduz! Ver mais
 
Agostinho Tavares
 
CONTO (400)
 
A ALEGRIA DE DAR
Um dia, as crianças deficientes de uma escola especial estavam a preparar uma competição olímpica.
O professor, uns minutos antes da corrida, reuniu-os e disse-lhes:
- O importante não é chegar primeiro à meta, mas que todos cheguem.
As doze crianças começaram a correr e duas separaram-se do grupo, enquanto as outras iam correndo como podiam.
De repente, uma menina que corria em penúltimo lugar, caiu e chorou amargamente.
O menino que vinha atrás deixou de correr, foi ajudá-la e beijou-lhe os joelhos feridos.
Os espetadores ficaram tranquilos ao verem que a queda não tinha sido muito grave. Mas eis que algo especial aconteceu. Todos os companheiros olharam para trás e ao verem a sua companheira no chão, aproximaram-se dela.
Ao juntarem-se todos, a menina deixou de chorar e sorriu. E um deles disse:
- Já que o professor disse que o importante não era chegar primeiro, mas que todos chegassem, vamos juntar-nos e levar a nossa companheira.
E foi assim que os onze ergueram a menina nos braços, correndo juntos até chegarem à meta.
No final, os espetadores, instintivamente, ofereceram a todos um caloroso aplauso.
 In Bom dia, alegria de Pedrosa Ferreira

 

O espírito enriquece-se com o que recebe; o coração com o que dá.
Victor Hugo
 
Não sou perfeito. Nunca fui, nem quero ser. Quero ser feliz, não quero ser santo!
Augusto Branco
 
A beleza não está onde todos encontram, mas onde poucos procuram
Anselmo Nogueira

 

INFORMAÇÕES
 
MUSEU FRANCISCO LACERDA
No dia 18 de Maio de 2012 pelas 20h haverá a abertura da exposição “A SACA DA AMÉRICA”
No dia 19 de Maio de 2012 pelas 21h haverá Recital de Clarinete e Piano da Temporada de Música 2012, com Cristo Barrios e Andrew West, no Auditório Municipal de Velas.
 
OFICINA DE TEATRO
Neste domingo, 13 de maio, às 21 horas, na Pousada da Juventude de São Jorge, vai acontecer um pouco de teatro resultante de um pequeno curso de teatro organizado pela Tertúlia “Chá das letras” e com a participação de Belarmino Ramos.
Haverá, também, entrega de certificados aos participantes.
É aberto a todas as pessoas que queiram vir passar um momento diferente.
 
ASSOCIAÇÃO DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE VELAS
A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Velas convoca todos os seus associados para a Assembleia Geral a realizar segunda-feira, dia 14 de maio, pelas 19.30 horas, com a seguinte Ordem de Trabalhos: Alteração dos Estatutos.
Tratando-se dum assunto da maior importância para o funcionamento da Associação, apela-se à participação ativa dos associados.
 

Faça download desta Carta Familiar em formato PDF: Nº 536

Agenda Pastoral

Destaque

Mais Recente Carta Familiar em PDF!

Nº 819

Pensamento da Semana

 

Um anjo nunca se faz conhecer, nós só sabemos que ele esteve connosco quando ele parte. Porque deixa-nos na vida um perfume, deixa-nos na vida um desassossego.

 

Erri de Luca, in Em nome da mãe

Os nossos Links

Ouvidoria de São Jorge
FAJÃS Grupo de Jovens
Cartas Familiares Anteriores

H2ONews

Visitas


Ver Estatísticas