Nº 520

 

CRISTÃOS E SEPARADOS

A 25 de janeiro celebramos a festa da conversão de São Paulo e a igreja, olhando para o exemplo deste grande homem do cristianismo, o seu percurso de vida que perseguia os cristãos e tornou-se um grande anunciador de Cristo, deixa à nossa reflexão e oração a unidade de todos os que acreditam em Cristo. A este movimento chama-se “ecumenismo”.
Não estamos habituados a esta palavra, vivendo numa terra em que nos sentimos todos cristãos ou, pelo menos, a maior parte, não consideramos que seja uma necessidade ter em conta o movimento que há em muitas partes do mundo para que os cristãos dêem testemunho de uma mesma fé em Jesus Cristo ressuscitado.
Devemos ter a noção muito clara de que o cristianismo é uma única religião. E isto quer dizer, desde já, que a Igreja Católica não é a única forma de se ser cristão.
Em traços muito gerais, podemos dizer que a primeira grande divisão dentro do cristianismo dá-se no século XI em que o Império Romano estava muito fragilizado, quase tinha terminado e aparecem novas forças ou reinos, para entendermos melhor. É então que se dá a ruptura entre o ocidente e o oriente. A Igreja do Oriente ligada ao patriarca de Constantinopla e que se passa a chamar Ortodoxa porque se diz mais de acordo com as pregação do tempo dos apóstolos e a Igreja Ocidental que continua com o nome de católica que quer dizer universal.
No século XVI dá-se uma nova divisão na Igreja Ocidental com a Reforma Protestante. Esta teve como principal interveniente um monge agostinho, Martinho Lutero, que escandalizado com algumas coisas que não estavam de acordo com o evangelho criou um movimento que foi aproveitado por alguns estados para saírem do poder dos estado pontifícios, melhor dizendo, do Papa.
Todos formamos a mesma Igreja de Cristo, todos professamos a mesma fé em Cristo Ressuscitado, todos temos o mesmo batismo recebido por ritos diferentes e a mesma Palavra de Salvação vivida com sensibilidades diferentes.
A intenção da semana de oração pela unidade dos Cristão não é a de converter os outros à nossa fé, mas que todas se convertam a Jesus Cristo como Aquele que a todos ama.
Pe. Manuel António

III DOMINGO TEMPO COMUM

Tema

Salva-vidas

Uma catequista, para fazer rir as colegas, contou o episódio, que transcrevo:
" Estava a dar uma lição de catequese sobre aquele que foi o maior 'Pescador de Homens' de sempre. Percebendo que as crianças não compreendiam o porquê deste título, dediquei a aula a esse esclarecimento. Depois de ter esgotado todos os meus argumentos, perguntei se alguém me sabia dizer, afinal, quem era esse 'Pescador de Homens'. Uma menina levantou o braço e respondeu bem alto:
- É um salva-vidas! "
Aquelas senhoras riram-se, não sei se pelas limitações da catequista ou se pela própria incapacidade de apreender a profundidade da declaração.
De facto todos nós somos náufragos: às vezes sentimo-nos perdidos no alto mar desta vida, açoitados por tempestades, navegando na escuridão. Precisamos de ajuda, de um autêntico salva-vidas. Se Deus chama alguém é para enviá-lo a salvar, para acender uma luz, dar a mão, trazer a um bom porto. À minha volta cada irmão é para mim um salva-vidas, enviado por Deus. E o mesmo Deus também me chama a ser um salva-vidas para o meu irmão.
Se quem caminha a meu lado cair uma vez, a culpa será sua. Mas se cair uma segunda vez, a culpa será minha porque não lhe dei a mão.
Pe. José David Quintal Vieira, scj
 
MEDITAR
 

SER FELIZ

 
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver
Apesar de todos os desafios,
Incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas
E se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si,
Mas ser capaz de encontrar um oásis
No recôndito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um “não”.
É ter segurança para receber uma crítica,
Mesmo que injusta.
Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou
Construir um castelo ...
Fernando Pessoa
 

CONTO (384)

AS AVES DO CÉU

Era uma vez um pequeno pardal cinzento e acastanhado que vivia a sua existência como uma sucessão de ânsias e de pontos de interrogação. Estando ainda dentro do ovo, interrogava-se:
- Conseguirei eu partir esta casca tão dura para sair daqui? E depois, os meus pais conseguirão alimentar-me?
Finalmente, a casca do ovo quebrou-se e ele saiu. Mas, estando no ninho, situado no ramo de uma alta árvore, continuava com muitos medos:
- Quando chegar a hora de fazer o primeiro voo, será que irei conseguir? Ou cairei estatelado no chão? Quem me poderá então socorrer?
Naturalmente que estes medos foram desaparecendo. Mas vieram outros:
- Encontrarei uma companheira? Poderei construir um ninho só para nós dois?
Os medos continuaram. Agora era o receio de que viesse uma tempestade e queimasse a árvore e o matasse a ele e à família.
Um dia, passou por ali o Mestre com os seus discípulos e disse:
- Olhai as aves do céu. não semeiam, nem colhem. Contudo o Pai celeste alimenta-as.
O pássaro reparou então que tinha tudo aquilo de que necessitava.
 In Bom dia, alegria de Pedrosa Ferreira

 

 
Duas pessoas com o mesmo grau de paz
não precisam falar da melodia que define as suas horas.
Essa melodia é o que elas têm de comum entre si e por si.
Existe entre elas algo como um altar ardente,
e elas aproximam-se da chama sagrada respeitosamente com as suas raras sílabas.
 
Rainer Maria Rilke

 

INFORMAÇÕES

 

RECEITAS:

Biscoitos - Beija pé 105,00€; Cortejo do menino Jesus601,00€
Calheta - Cortejo do menino Jesus 397,00€.
Ermida de Santo António - Cortejo do menino Jesus 501,00€.
Norte Pequeno -Beija pé 300,00€; cortejo do menino Jesus 240,00€.
 

CLÍNICA DOS BOMBEIROS
A Direcção da Associação de Bombeiros Voluntários da Calheta informa que a Dr. ª Maria Graça Almeida, Ginecologista e Obstetra estará nesta clínica a 9 de Fevereiro de 2012.

 

As eventuais interessadas podem fazer as suas marcações para os números 295 460 110 / 295460111.

 

MUSEU FRANCISCO DE LACERDA 

Está aberta ao público a exposição “XEQUE-MATE”, do Núcleo de Xadrez da Associação Recreativa da Preparatória da Calheta. Pode ser visitada todos os dias no horário normal de funcionamento do Museu.

 

 FEIRA DO EMPREENDEDORISMO
 
Depois do sucesso do ano passado, e perante o empenho demonstrado pelos alunos no desenvolvimento dos seus negócios, a escola convida todos, na próxima sexta dia 27, entre as 17.30 e as 20.30 a visitarem a 2ª feira do empreendedorismo.

Terá negócios diversificados, interessantes e divertidos que são resultado do espírito empreendedor dos alunos. Venham participar!

 

 


Faça download desta Carta Familiar em formato PDF: Nº 520

Agenda Pastoral

Destaque

Mais Recente Carta Familiar em PDF!

Nº 827

Pensamento da Semana

Dá-nos um coração claro que veja o céu aberto
e o mundo como os olhos de uma criança,
olhos de confiança e de descoberta
que nos salvem dos hábitos.

 

Os nossos Links

Ouvidoria de São Jorge
FAJÃS Grupo de Jovens
Cartas Familiares Anteriores

H2ONews

Visitas


Ver Estatísticas