Nº 524

 

DEIXA CAIR A MÁSCARA

É necessário deixar cair a máscara. Não aquela do carnaval que se põe por pouco tempo. Talvez por alguns minutos. Uma hora. Um dia.
Deixar cair a máscara que esconde a alegria de viver, a verdade que deve ser a vida. A vida que deve ser inteira, transparente.
Às vezes dá a impressão que se põe uma máscara para cada situação da vida. Para cada comportamento e atitude. Têm-se medo de se ser igual a si mesmo e então, põe-se uma máscara para uma coisa e outra para outra. Põe-se máscara para se estar junto de um familiar e outra para se estar com o amigo…
Vive-se a vida por partes e procura-se a máscara para cada acontecimento. Como se fossemos muitas pessoas. Acontece até ficarmos admirados com algumas situações da vida própria e dos outros. Chegamos mesmo a interrogar se fomos nós que tomamos tal atitude, se fomos nós que dissemos tal palavra. Não esperávamos aquela atitude do outro, nem a palavra que surpreende, a expressão do rosto que não é habitual.
Há tanta coisa que dá a entender que passamos a vida com máscaras.
É necessário deixar cair as máscaras. Aquelas que magoam e causam tristeza. Fazem doer cá dentro. Fazem correr lágrimas inesperadas.
É necessário deixar cair as máscaras. Aquelas que matam a alegria e a amizade. Criam a desconfiança e não deixam lugar para o amor.
É necessário deixar cair as máscaras. Aquelas que vêm disfarçadas de bem querer mas que apenas trazem a intriga e a inveja.
É necessário deixar cair as máscaras para se ser um e não partes. Para isso é necessário começar de novo. Deixar o rosto aberto, sem qualquer estorvo. Um rosto limpo e verdadeiro. A primeira sensação vai ser de fragilidade, fraqueza. A verdade tem dessas coisas. Mas não há nada de mais fraco do que a mentira que se esconde por detrás de uma máscara.
Para deixar cair as máscaras é necessário muita confiança e coragem. Isto é dado por Jesus que nos ajuda a sermos nós mesmos, sem disfarces. Ele ajuda a deixar cair todas as máscaras que incomodam e inquietam.
Depois do carnaval vem a quaresma para tomarmos este caminho de verdade e de bem.
Pe. Manuel António
 

VII DOMINGO TEMPO COMUM

Levanta-te e vai

Eu não gosto de me confessar porque tenho medo que o Padre ralhe comigo.
- Mas, afinal, quando chegas ao pé do confessor, o que é que lhe pedes em primeiro lugar?
- Como toda a gente, digo: Abençoai-me, Padre, porque pequei...
- Exactamente. Não pedes que te ralhe ou te castigue porque pecaste mas pedes-lhe uma bênção, uma palavra de conforto ou de gratidão. Não tenhas medo. O confessor apenas felicitar-te-á porque recebeste uma graça de Deus e um Dom do Espírito Santo: reconheceste que és pecador e que desejas ser melhor!
Quem confessa as suas faltas, está disposto a levantar-se e a caminhar. É por isso que um paralítico apresentou-se um dia diante de Jesus que lhe disse:
- Os teus pecados estão perdoados, ou por outras palavras, levanta-te, toma a tua enxerga e vai...
O mal parece não estar no ter caído mas em não querer levantar-se e prosseguir a caminhada. E perdoar é dar a oportunidade de alguém recomeçar o seu caminho. Todos somos paralíticos, amarrados a velhos hábitos e muletas, à espera duma palavra que nos levante. Vivemos agora na esperança de recomeçar todos os dias. Cair e levantar-se é igual a progredir.
Pe. José David Quintal Vieira, scj
 

MEDITAR

 

“MAS TU NÃO!”

Porque os outros se mascaram mas tu não
Porque os outros usam a virtude
Para comprar o que não tem perdão.
Porque os outros têm medo mas tu não.
 
Porque os outros são os túmulos caiados
Onde germina calada a podridão.
Porque os outros se calam mas tu não.
 
Porque os outros se compram e se vendem
E os seus gestos dão sempre dividendo.
Porque os outros são hábeis mas tu não.
 
Porque os outros vão à sombra dos abrigos
E tu vais de mãos dadas com os perigos.
Porque os outros calculam mas tu não.
Sophia de Mello Breyner Andresen
 
CONTO (387)
 

VIDA EM ABUNDÂNCIA

O professor perguntou aos alunos:
- Quais são para vós as maravilhas do mundo?
Eles foram respondendo. Uns diziam que era o Coliseu de Roma, outros as Muralhas da China e outros a Basílica de S. Pedro, em Roma.
Alguns preferiram as maravilhas do nosso país.
Alguém disse:
- O mosteiro dos Jerónimos… o castelo de Guimarães… o convento de Mafra.
O professor notou que uma aluna permanecia calada. Ele perguntou-lhe se tinha dificuldade em escolher uma maravilha do mundo.
- Não, senhor professor. Mas receio que a minha escolha não seja em nada semelhante à dos meus companheiros.
- Então quais são para ti as sete maravilhas do mundo?
- Para mim, as sete maravilhas do mundo são: poder tocar, poder saborear, poder ver, poder escutar, poder sentir, poder rir e poder amar.
Toda a aula ficou em silêncio absoluto. O professor concluiu:
-Tens razão. A maior maravilha do mundo é a pessoa humana. Por mais belas que sejam as obras construídas pelos artistas e que hoje nos encantam pela sua beleza, a maior maravilha é a pessoa humana, corpo e espírito. Ela foi criada à imagem de Deus.
 In Bom dia, alegria de Pedrosa Ferreira
 
 

 

Quem tem o coração puro? 
Aquele que não mancha o seu coração
nem com o mal que comete nem com o bem que faz. 
 
Dietrich Bonhoeffer

 

INFORMAÇÕES

CATEQUESE DA RIBEIRA SECA

A catequese da Ribeira Seca pede aos pais e encarregados de educação que compareçam a uma reunião no dia 24 de fevereiro pelas 20 horas. Como estamos próximos das festas do Divino Espírito Santo, e a catequese está a organizar uma coroação, queríamos saber da vontade e disponibilidade dos pais para este acontecimento da vida das crianças e adolescentes em tempo de catequese e de toda a comunidade. Agradecemos, desde já, a colaboração que vão dar a esta festa.
 

ANIMAÇÃO DA EUCARISTIA

Os jovens e crianças da catequese da Ribeira Seca, pretendem animar a missa do dia 26 de fevereiro. Para isso, haverá um ensaio no dia 25 pelas 14 horas na Igreja de S. Tiago para preparar a celebração. Pedimos a comparência de todos neste ensaio e na eucaristia.
 

FEIRA DO LIVRO

     O Departamento de Língua Portuguesa da Escola Básica Pe. Manuel Azevedo da Cunha – Calheta. Convida toda a população da ilha a visitar a Feira do Livro que decorrerá nesta escola de 27 de fevereiro a 2 de março, das 9H15 e as 12H45 e das 13H30 às 17H00. Os livros serão disponibilizados a preço de feira.
 

Faça download desta Carta Familiar em formato PDF: Nº 524

Agenda Pastoral

Destaque

Mais Recente Carta Familiar em PDF!

Nº 819

Pensamento da Semana

 

Um anjo nunca se faz conhecer, nós só sabemos que ele esteve connosco quando ele parte. Porque deixa-nos na vida um perfume, deixa-nos na vida um desassossego.

 

Erri de Luca, in Em nome da mãe

Os nossos Links

Ouvidoria de São Jorge
FAJÃS Grupo de Jovens
Cartas Familiares Anteriores

H2ONews

Visitas


Ver Estatísticas